Scénic
Um pouco de história
Lançado em março de 1999, o Scénic é o monovolume compacto produzido no Brasil que tem a melhor relação custo/benefício, graças aos itens de série que oferece, aliado a potência do motor e tecnologia do novo câmbio automático batizado de Proactive. O câmbio automático de quatro marchas utilizado no Scéénic é auto-adaptável, ou seja, modela-se ao estilo de condução do motorista, através de nove programas diferentes, que vão desde uma condução mais suave até uma performance mais esportiva.

O primeiro nível de acabamento da linha Scénic, a versão RT conta com os motores 1.6 16V de 110 cv e 2.0 16V de 140cv e oferece um pacote completo de equipamentos, que inclui air bag duplo, direção hidráulica, vidros e travas elétricas, acionamento das portas por controle remoto, sistema CAR (travamento automático das portas após 6 km/h) e regulagem elétrica dos faróis. Para a opção com motor 2.0 16V, a grande novidade fica por conta da adição de ar-condicionado, dos freios a disco nas quatro rodas e do sistema ABS como equipamentos de série. Ainda na versão RT 2.0 16V, o computador de bordo é incorporado ao pacote de equipamentos na opção com câmbio automático, itens que são opcionais na versão básica do seu maior concorrente, a Zafira.

Na versão RXE 2.0 16V com câmbio automático (top de linha), passam a ser de série o revestimento frontal dos bancos em couro e o apoio de braço para o banco do motorista

As suspensões traseira e dianteira do Scénic ganharam novas calibragens, que tornaram o modelo atual mais estável e, ao mesmo tempo, mais confortável. As duas versões do Scénic estão equipadas com rodas de 15 polegadas, sendo que o 1.6 16V usa pneus 185/65 R15 e o 2.0 16V utiliza pneus 195/60 R15.

O novo motor 2.0 16V com distribuição variável é o mais potente do segmento e, utiliza uma série de soluções tecnológicas que otimizam seu desempenho. O cabeçote do motor é produzido em liga leve de alumínio e adota o sistema de fluxo cruzado. Os balancins são roletados, desenvolvimento que diminui significativamente os atritos de distribuição, proporcionando uma redução sensível no consumo de combustível.

A adoção de coletor de admissão em plástico e de comando de válvulas variável, combina torque em velocidades baixas e potência em velocidades altas. Além da sua força em altas rotações, o motor de 2.0 litros 16V apresenta maior agilidade principalmente nas retomadas de velocidade, graças ao fato de que 90% do torque máximo estar disponível já a partir de 2.000 rpm, incomum em um motor 16V.

Ficha Técnica *
Versão
Scénic RT e RXE 2.0 16V
Motor:
Cilindrada:
Pot. Líq. Máx.:
Torque Líq. Máx.:

0 - 100 Km/h:

Vel. Máx.:


Transmissão:








Pneus:
Rodas:

Freios:


Direção:

Susp. Diant.:

Susp. Tras.:


Comprimento:
Entre eixos:
Largura:
Altura:
Peso:
F4R - 2.0 litros, transversal, 4 cilindros em linha, 16 válvulas, gasolina
1998 cm³
140 cv a 5500 rpm
19.2 kgfm a 3750 rpm

10,1 s (Mecânico)
12,1 s (Automático)
194 km/h (Mecânico)
185 km/h (Automático)

Mecânica, 5 velocidades --- Automática, 4 velocidades
1ª - 3,73:1 --- 1ª - 2,72:1
2ª - 2,05:1 --- 2ª - 1,50:1
3ª - 1,39:1 --- 3ª - 1,00:1
4ª - 1,10:1 --- 4ª - 0,71:1
5ª - 0,82:1 --- ------------
Ré - 3,55:1 --- Ré - 2,45:1
Diferencial - 3,87:1 --- Diferencial - 3,48:1

195/60 R15
15", aço com calota (RT) - liga leve (RXE)

Duplo circuito em "X", discos ventilados dianteiros (280 mm) e traseiros (274 mm) com ABS nas 4 rodas.

Hidráulica, diâmetro de giro 10,7 m

McPherson, com triângulo inferior e efeito antimergulho, amortecedores hidráulicos telescópicos com molas helicoidais e barra estabilizadora.
Rodas independentes, braços arrastados, 4 barras de torção transversais e amortecedores hidráulicos telescópicos inclinados.

4169 mm
2580 mm
1719 mm
1615 mm
1290 kg (Mecânico) - 1320 kg (Automático)
* - Dados do fabricante, referentes ao Scenic produzidos até Outubro de 2001.